segunda-feira, 2 de junho de 2008

The Terrible Two's?

Antes dos dois anos (e 1 mês) do Afonso não sabíamos o que eram birras.
Agora estas já fazem parte do nosso quotidiano e não há dia que não haja uma birrita.
De todos os textos que li acerca dos chamados "terríveis 2 anos" este captou a minha atenção "Terrible Two's? Not!"
Em vez que se assentar em teorias disciplinatórias, ideias gerais de regras, ordem, boas maneiras e comportamento defende a arte de respeitar a criança, com amor, para a ajudar a controlar-se.

M

1 comentário:

María&Pezucos disse...

Tiveram muita sorte em elas só aparecerem após os 2 anos :) Ao David surgiram aos 18 meses :p

Gostei muito do texto e há uma coisa que saliento que também faço com ele quando quero que ele me oiça e compreenda o que estou a dizer: pôr-me na altura dele, face to face, para ele ver que não estou a querer ser autoritária, mas que compreendo o que ele está a passar.
Aliás muitas das vezes, agora já não acontece tanto porque as birras são diferentes nesta idade, eu começava a frase do género: "A Mãe compreende o que estás a sentir", ou "Sei que é dificil, mas..."

Eles sentem que os compreendemos e acho que ficam aliviados mais rapidamente, claro que temos que esperar que o berreiro pare lol porque senão falamos para o boneco :p

Vai correr tudo bem, vocês são espectaculares e muito pacientes! E desejo-vos uma fase de birras rápida :)

Bjnhos grandes